Paraiba

Voo inaugural do primeiro avião fabricado na Paraiba será nesta 3ª

Conhecida por ser um polo tecnológico, Campina Grande também pode se orgulhar de ter uma fábrica de aviões. E o voo inaugural da primeira aeronave produzida na cidade ocorre nesta terça-feira (10) no aeroclube, localizado no distrito de São José da Mata. O Volato 400 é o primeiro modelo a ser produzido pela Stratus, atendendo a quem busca um modelo de aeronave confortável, rápida, com boa capacidade de carga e de excelente custo/benefício, capaz de atingir grandes distâncias com segurança.

O evento histórico será prestigiado pelo prefeito Romero Rodrigues, que será homenageado pela direção da empresa, por conta do apoio decisivo do município ao empreendimento.

Juan Pinheiro, empresário, proprietário da fábrica Stratus, responsável pela fabricação das aeronaves, explicou como surgiu a ideia de implantar o ramo da indústria de aviação em Campina Grande. Em entrevista a Campina FM, , Juan disse que abraçou o desafio de inovar no ramo de aeronáutica.

Inicialmente, tinha a pretensão da venda de uma empresa da Bahia, onde tanto a prefeitura, quanto governo do Estado, abraçaram essa ideia. Mas, houveram problemas e assumimos o desafio de tocar o projeto. Inauguramos a sede da nossa empresa em São José da Mata e assim estamos desenvolvendo projetos de inovação na indústria aeronáutica. Amanhã vamos conhecer o produto construído aqui em Campina Grande”, contou.

Segundo Juan, já existem interessados em comprar o avião. Ele revelou a vantagem e o público alvo desse tipo de aeronave. “Existem pretensos compradores para essa aeronave. Primeiro, mostramos o produto e o cliente avalia e decide pela aquisição. É um tipo de aeronave muito utilizada por empresários. Não é um equipamento para ir a São Paulo, é para trajetos entre as capitais nordestinas”, detalhou. A aeronave Volato 400, com motor de origem americana, tem capacidade para quatro pessoas.

Ela deve ser vendida pelo valor de R$ 750 mil. O avião, de acordo com Juan, deve atingir 15 mil pés de altura a uma velocidade média de 350 km/h. A aeronave Volato 400, de origem americana, tem capacidade para quatro pessoas. Ela deve ser vendida pelo valor de R$ 750 mil.

A Stratus foi criada com o objetivo de produzir aeronaves de pequeno porte de dois e a quatro lugares para atender ao mercado brasileiro com produtos seguros e de alta performance. O empreendimento, cujo hangar foi inaugurado em 30 de junho de 2016, tornou-se possível graças ao apoio da Prefeitura de Campina Grande. Segundo o empresário Juan Pinheiro, a Prefeitura de Campina Grande, por orientação de Romero Rodrigues, sempre esteve aberta ao diálogo e garantiu total apoio ao processo de implantação da indústria aeronáutica na cidade.

“Devo lembrar, por exemplo, que o prefeito procedeu a desapropriação de área anexa ao Aeroclube de São José da Mata, viabilizando, assim, a instalação da nossa empresa, pois havia necessidade de amplo terreno destinado ao funcionamento de uma pista de pouso. Além disso, ao longo do tempo, a equipe técnica do governo municipal sempre acompanhou este processo de conquista para o povo campinense”, afirmou Juan Pinheiro. Empregos e crescimento

Segundo o empresário, a nova fábrica oferece 18 empregos diretos e mais 10 indiretos, além de oportunidades geradas a partir de ações desenvolvidas em parceria com empresas terceirizadas. A tendência é ampliar cada vez mais este quadro, levando-se em conta de que a empresa pretende lançar no mercado um novo tipo de aeronave, além da Volato 400. O futuro modelo contará com tecnologia totalmente paraibana, contando, para tanto, com o trabalho de pesquisadores de instituições como UFCG, Senai e muitas outras.

A Stratus, que teve um investimento inicial de R$ 5 milhões, é parceira da Empresa Volato Aeronaves, indústria brasileira com sede em Bauru, com mais de 15 anos no mercado. A companhia conta com o apoio do CTA – Centro de Tecnologia Aeronáutica, do SENAI da Paraíba, onde são capacitados os seus colaboradores e também desenvolvidos novos itens e componentes para a produção, utilizando equipamentos de última geração, a exemplo dos melhores fabricantes do mundo. O presidente da empresa, Juan Pinheiro, disse que o empreendimento deve tornar a Paraíba uma referência no segmento de aviação.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O