"Isso pode Arnaldo?"

Sempre o PT; presidente do partido na Paraíba é contra Delação Premiada

O presidente do PT na Paraíba, Jackson Macêdo, repercutiu a matéria da Folha de São Paulo que revela cartas da ex-secretária de Administração da Paraíba, Livânia Farias, relatando pressão do Ministério Público e preparando o seu próprio funeral.

De acordo com o dirigente, se trata da Lava Jato “fazendo escola” na Paraíba. Jackson declarou, em sua postagem, ser contrário à delação premiada pois pressão e tortura psicológica seriam instrumentos utilizados para forçar uma “narrativa”.

Confira o texto do presidente na íntegra:

“Mais uma da série: “A Lava Jato faz escola”. Sou contrário ao instrumento da delação premiada, ainda mais para réu preso. Pressão e tortura psicológica infelizmente são instrumentos para forçar esse tipo de coisa. Voltamos aos porões do DOI CODI.”

 

 

com paraiba ja

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O