Seleção Brasileira

Sem Neymar, Tite faz última convocação antes da lista da Copa

Sem poder contar com Neymar, que se recupera de cirurgia no pé direito, o técnico da Seleção Brasileira, Tite, fez nesta segunda-feira (12/3) a convocação para os dois últimos amistosos da equipe antes de divulgar a lista de jogadores que irão para a Copa do Mundo. Depois das partidas contra Rússia, no dia 23/3, e Alemanha, em 27/3, a próxima e derradeira chamada será na primeira semana de maio.

As maiores novidades da convocação de hoje são o meia Talisca, do Besiktas, e o atacante William José, do Real Sociedad. Em coletiva após o anúncio, Tite destacou que a ausência de seu principal atleta servirá para a equipe mostrar a força de conjunto da Seleção. “É um jogador diferente, é Top 3. Mas equipe forte se faz independentemente de nomes. Força de equipe é fundamental e temos que ter força para suplantar adversidades, como essa, mas projetando tê-lo para a Copa”, afirmou o técnico.

Veja os convocados:

Goleiros
Alisson (Roma) Ederson (Manchester City) Neto (Valencia)

Laterais
Marcelo (Real Madrid) Daniel Alves (PSG) Filipe Luis (Atlético de Madrid) Fágner (Corinthians)

Zagueiros
Marquinhos (PSG) Thiago Silva (PSG) Miranda (Inter de Milão) Pedro Geromel (Grêmio) Rodrigo Caio (São Paulo)

Meias
Casemiro (Real Madrid) Willian (Chelsea) Fernandinho (Manchester City) Fred (Shakhtar Donetsk) Anderson Talisca (Besiktas) Paulinho (Barcelona) Philippe Coutinho (Barcelona) Renato Augusto (Beijing Guoan)

Atacantes
Gabriel Jesus (Manchester City) Roberto Firmino (Liverpool) Douglas Costa (Juventus) Taison (Shakhtar Donetsk) Willian José (Real Sociedad)

Segundo Tite, há “15,16, 17 atletas que, pelo alto nível na Seleção e nos clubes, estão encaminhados na Copa. “E existem outros que estão disputando. Geromel, Rodrigo Caio, Gil, Jemerson estão brigando. E só vai ser decidido lá na frente. Há um encaminhamento para Thiago, Marquinhos e Miranda. Na lateral tem Alex Sandro, Filipe Luís e Marcelo, três que jogam muito, dói deixar o Alex Sandro fora. Há o encaminhamento de alguns, mas com características diferentes, atletas que brigam. Lucas Lima, Diego, Luan, Giuliano, Rodriguinho, estão brigando. O momento pode determinar sua convocação”, explicou o comandante. “Não há uma situação definitiva, há margem de disputa.”

O Brasil estreará na Copa do Mundo da Rússia no dia 17 de junho contra a Suíça. Antes, em maio, Tite fará a convocação final. Em 27/5, o grupo escolhido embarcará para a preparação em Londres. Nos dias 3 e 10 de junho, estão previstos amistosos contra adversários ainda não definidos.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O