Educação/Cultura

Professores de JP passam a receber até R$ 5.240 com novos salários

 PROFO prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou na tarde desta quarta-feira (26) o reajuste salarial para o magistério em 2014, que será de 8,32%, com retroativo ao mês de janeiro. O percentual, que está acima da inflação, passará a ser de 11,32% em julho, quando a gestão vai conceder mais um aumento, fixado em 3%. Com a alteração, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) mantém a Capital da Paraíba como a que paga o maior salário para o magistério no Norte e Nordeste do Brasil.

Os salários dos professores que tem apenas o nível superior passam de R$ 2.246 para R$ 2.433 para uma jornada de 30 horas semanais. Para se ter uma ideia, um professor doutor no nível 7 do Estado, o nível mais alto, recebe menos que um professor licenciado em começo de carreira na Prefeitura de João Pessoa.

O vencimento de um professor da rede estadual com doutorado é de R$ 1.718,00, segundo dados da Associação de Professores de Licenciatura Plena do Estado da Paraíba (APLP). Já os professores do Município com doutorado terão seus salários reajustados de R$ 4.838 para R$ 5.240.

“A nossa gestão tem trabalhado incansavelmente para garantir os melhores salários para os professores, além de investir na carreira e nas condições ideais de trabalho para a categoria”, destacou o prefeito Luciano Cartaxo.

“Com muito diálogo, conseguimos estabelecer um percentual que vai chegar a 11% e vai manter João Pessoa como a Capital que melhor paga aos seus professores no Norte e no Nordeste do Brasil. Isso se junta a diversas ações no setor, como a construção de 12 novas creches e a realização de concursos para 1.300 profissionais da área”, complementou o prefeito.

O secretário municipal da Educação, Luiz Júnior, destacou a política de valorização dos professores que tem sido colocada em prática pela gestão municipal.

“Temos o compromisso de investir prioritariamente na educação e em nossos professores. Vamos seguir a determinação do prefeito Luciano Cartaxo e estabelecer reajustes sempre acima da inflação, aumentando o poder aquisitivo dos professores de João Pessoa”, declarou.

Em 2013, a Prefeitura já havia anunciado um reajuste de 10%, ano em que a inflação foi estabelecida em 5,84%. Os números resultam em um total acumulado de 19,15% no reajuste e de 12,09% na inflação, o que representa um ganho real de 7,06% para os professores em dois anos. 

Acréscimo – No mês de julho, a PMJP vai conceder mais um aumento aos professores com a implantação de um nível de carreira. O reajuste será de 3%, o que vai resultar em um percentual total de 11,38% em 2014. O somatório ainda vai indicar um reajuste final maior do que o oferecido em 2013, de 10%.

Ainda no mês de julho, o prefeito Luciano Cartaxo planeja garantir um reajuste nas gratificações dos diretores de escolas (R$ 100), vice-diretores (R$ 80) e secretários escolares (R$ 50).

 

DA REDAÇAO: com Secom JP 

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O