Policia Federal

Presidente do PSL, Luciano Bivar, é alvo de buscas e apreensões da PF

A Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta terça-feira (15/10), nove mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao presidente do PSL, Luciano Bivar. A Operação Guinhol investiga esquema de candidaturas laranjas e de desvio do fundo partidário destinado à candidaturas femininas do partido na última eleição em Pernambuco. O inquérito foi aberto a pedido do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado.

De acordo com a PF, representantes locais do PSL teriam ocultado, disfarçado e omitido movimentações de recursos financeiros oriundos do fundo partidário. “Especialmente os destinados às candidaturas de mulheres, após verificação preliminar de informações que foram fartamente difundidas pelos órgãos de imprensa nacional”, diz a nota da corporação.

Os mandados na operação buscam provas de burla ao emprego dos recursos destinados às candidaturas de mulheres. “Tendo em vista que ao menos 30% dos valores do Fundo Partidário deveriam ser empregados na campanha das candidatas do sexo feminino, havendo indícios de que tais valores foram aplicados de forma fictícia objetivando o seu desvio para livre aplicação do partido e de seus gestores”, conclui a PF.

O inquérito na Justiça Eleitoral investiga a prática dos crimes eleitorais e de organização criminosa. O nome da Operação Guinhol é uma referência a um marionete, personagem do teatro de fantoches criado no século 19 diante da possibilidade de candidatas terem sido utilizadas exclusivamente para movimentar transações financeiras escusas

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O