Corrupção

Prefeito interino de Cabedelo rebate matéria do Fantástico e nega participação em esquema de corrupção

O prefeito interino de Cabedelo, Vitor Hugo, emitiu nota na madrugada desta segunda-feira (9) rebatendo matéria do Fantástico e negando qualquer tipo de participação em esquema de corrupção que culminou na Operação Xeque-Mate e prisão do prefeito e vice-prefeito da cidade, além de vereadores e pessoas ligadas à gestão.

Ontem à noite, o programa fez matéria mostrando como funcionava o esquema e ressaltando a participação de Vitor Hugo no caso.

Confira abaixo a nota na íntegra.

Minha vida, pública ou não, sempre foi pautada pela honestidade e transparência. Nunca precisei esconder fatos ou utilizar de meios ilegais para conquistar objetivos e chegar onde cheguei.

A maior prova disso é justamente a “Operação Xeque Mate”, que investigou a fundo as irregularidades cometidas em Cabedelo, colheu provas e prendeu ou afastou todos os envolvidos.

Por isso mesmo fui pego de surpresa na noite deste domingo, com a utilização do meu nome pelo programa da Rede Globo “Fantástico” entre os vereadores envolvidos no esquema. A entrega de envelopes é um fato comum e corriqueiro na relação entre o legislativo e o executivo.

Nesse dia em específico, recebi o meu salário normal de cada mês, feito em cheque. Fato provado, repito, pela própria Operação, que não me incluiu entre os envolvidos no esquema.

Outro fato que me causou estranheza foi a quebra de um dos preceitos básicos do jornalismo: ouvir os dois lados e conceder espaço para a defesa dos citados. Em NENHUM momento fui procurado pela Rede Globo.

Continuo à disposição da Justiça, da Polícia e principalmente do povo de Cabedelo para qualquer esclarecimento que se faça necessário.

Vítor Hugo – Prefeito de Cabedelo

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O