Policia Federal

Polícia Federal acordou Dilma bem cedo nesta terça-feira

A ex-presidente Dilma Rousseff também está entre os alvos da investigação aberta pela Polícia Federal para apurar supostos repasses de propina da JBS para senadores e ex-senadores do PMDB na campanha eleitoral de 2014. A ex-presidente foi intimada, na manhã desta terça-feira, a prestar esclarecimentos sobre o caso. Um delegado foi até a residência de Dilma em Porto Alegre e entregou a intimação a ex-presidente.

O delegado apresentou o documento sem dar maiores explicações sobre o conteúdo da investigação. Dilma, que acordou com a chegada do policial, assinou a intimação. Não está claro, no entanto, se houve ou não definição de data para o interrogatório. A intenção da polícia era ouvir a ex-presidente, senadores e ex-senadores ainda hoje. Mas alguns alegaram dificuldades de agenda e pediram remarcação para datas posteriores.

A Polícia Federal investiga supostos repasses de aproximadamente R$ 40 milhões para senadores e ex-senadores do PMDB durante a campanha de 2014. O dinheiro seria uma forma de consolidar o compromisso do grupo com a campanha que levou à reeleição da ex-presidente. Procurada pelo Globo, a ex-presidente confirmou, por intermédio de sua assessoria, a intimação. Mas não quis dar declarações porque não conhece o conteúdo das acusações em apuração pela polícia.

 

o globo – foto: evaristo sa/afp

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O