Culinária

PMJP divulga lista dos contemplados com o programa Bolsa Universitária

O Programa Bolsa Universitária é executado pela Sedes

Concursos-Estudos (2)

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), divulgou na manhã desta segunda-feira (23), a lista dos 150 estudantes contemplados com o Programa Bolsa Universitária para o exercício 2016. A listagem com os nomes pode ser acessada neste link.
O Programa Bolsa Universitária é executado pela Sedes. É um benefício para auxiliar nas despesas inerentes ao desenvolvimento do curso superior de alunos beneficiários do Programa Bolsa Família ou que são inscritos no Cadastro Único, que tem o Número de Inscrição Social – (NIS).
Orientações – Nesta segunda-feira (23), às 9h, os classificados já podem se dirigir à sede do Programa, em novo endereço, Rua Osvaldo Pessoa, nº 522, Jaguaribe, no CLIM 1 (Centro Livre Meninada). Lá receberá as orientações iniciais e uma declaração para a abertura de uma conta no Banco do Brasil. Quem já tem conta não precisa ir.
Sandro Silva, presidente da Comissão Organizadora, informa que todos os 150 contemplados devem se apresentar no período de 6 a 17 de junho, no horário das 8h às 16h, munidos de toda a documentação necessária para a consolidação do benefício, ou seja, a assinatura do Termo de Compromisso. “Os alunos com idade inferior a 18 anos, deverão ir acompanhados dos pais”, disse Sandro Silva.
O aluno deve se dirigir ao programa munido dos seguintes documentos: histórico universitário, declaração de vínculo com a Faculdade, uma foto 3X4 recente e as xérox da abertura da conta do banco e do cartão bancário.
Segundo Sandro Silva, no ato da assinatura do Termo de Compromisso, o candidato será comunicado da realização de uma palestra onde receberá informações sobre as diretrizes do programa, conforme o Edital. “Essa palestra é classificatória. O aluno que perder terá três dias para justificar a ausência, com o risco de ser desligado”, alerta.
Sandro Silva garante que o processo de escolha se deu de forma tranquila e transparente. As dez vagas destinadas às pessoas com deficiência, o correspondente a 7% do total, não foram preenchidas totalmente. “Neste caso específico, as vagas remanescentes foram distribuídas com os alunos cadastrados no CadÚnico, que correspondia 1/3 do total”, disse.
Cofres Públicos – Atualmente a PMJP beneficia 266 alunos com a Bolsa Universitária, com verbas 100% dos cofres públicos. Os valores da bolsa e o número de vagas são diferenciados por situações especificas:

Quarenta vagas, correspondente a 1/3, cujo valor de R$ 293,33, são destinadas a alunos cadastrados no CadÚnico e não recebem o Bolsa Família; cem vagas para1/6, cujo valor R$ 146,66, são para os alunos cadastrados no CadÚnico e recebem o Bolsa Família. As dez vagas restantes são destinadas alunos portadores de necessidades especiais, o equivalente a 7% do total.

O programa objetiva ajudar nas despesas inerentes ao desenvolvimento do curso universitário. “Acreditamos que, com esse suporte, estamos dando mais uma contribuição para a melhoria na educação em nossa cidade”, admite Sandro Silva.

Programa – O Programa Bolsa Universitária representa uma ajuda de custo para despesas como passagens, cópias e outras necessidades pertinentes aos estudantes carentes e que muitas vezes necessitam de uma condição mínima para dar prosseguimento aos seus estudos.

Semestralmente, os beneficiários do Bolsa Universitária deverão apresentar histórico que comprove sua situação escolar. O desempenho do aluno será fundamental para sua permanência no programa.

 

Redação com Assessoria

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O