Justiça

Gilma nega ação, mas Tribunal de Justiça da Paraíba registra

A deputada estadual Gilma Germano (PPS) procurou a redação do MaisPB para afirmar que seu grupo “não entrou e nem entrará com qualquer tipo de ação judicia”l para suspender o congresso estadual do partido, que ocorre nesta sexta-feira (08), às 10h, no hotel Hardman.

deputada-Gilma-Germano“Essa informação não procede, vamos participar do congresso de forma democrática, pois esse é o nosso objetivo”, explicou Gilma. Apesar da declaração da deputada, o protocolo do Tribunal de Justiça da Paraíba registra uma movimentação contra o congresso do partido. O desembargador José Ricardo Porto foi escolhido o relator do processo contra a realização da esleições internas no PPS> A deputada afirmou que independente do resultado da eleição interna, continuará no partido e irá acatar a decisão do congresso. Gilma trava queda de braço pelo comando do PPS com o bloco liderado pelo vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira (PPS). Semana passada, Gilma e aliados conseguiram suspender por algumas horas a realização do Congresso do partido em João Pessoa, alegando desrespeito às normas partidárias. A liminar foi derrubada pelo juiz da 2ª Vara Cível da Capital, Inácio Jairo.

Fonte: Maispb

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O