Paraiba

Encerramento da campanha Outubro Rosa acontece nesta quarta-feira no Instituto Cândida Vargas

A Campanha Outubro Rosa tem como objetivo compartilhar informações sobre o câncer de mama e, mais recentemente, câncer do colo do útero, promovendo a conscientização sobre as doenças, proporcionando maior acesso aos serviços de diagnóstico e contribuindo para a redução da mortalidade. Na rede municipal de saúde, o encerramento da campanha acontece com ações de promoção e uma missa, no Instituto Cândida Vargas (ICV), nesta quarta-feira (31), a partir das 8h30.

Durante toda a manhã, as mulheres participarão de palestra sobre saúde da mulher e terão acesso a serviços como auriculoterapia, ventosaterapia, além de serviços de beleza, ofertados às pacientes do serviço, acompanhantes e profissionais de saúde.

“Fazemos uma avaliação positiva das ações alusivas ao Outubro Rosa na rede municipal de saúde, considerando que levamos informação e ofertas de serviços para todas as Unidades e Saúde da Família e bairros da Capital”, disse Ana Giovana Medeiros, secretária adjunta da saúde. “Fica o alerta para as mulheres que ainda não se cuidaram, que a prevenção é o mais importante. Procurem uma USF e não deixem de cuidar de sua saúde, de seu corpo. Os profissionais da rede de assistência estarão promovendo esse cuidado durante todo ano”, completou.

Saúde da mulher – Em João Pessoa, a rede municipal disponibiliza o exame de mamografia para as usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) em três serviços conveniados. São eles: Hospital Napoleão Laureano, Hospital São Vicente de Paulo e Centro de Diagnóstico do Câncer (CDC).

Desde o mês de maio deste ano, o fluxo para a realização do exame foi simplificado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) para facilitar o acesso das mulheres aos serviços. A usuária deve se dirigir primeiramente à sua Unidade de Saúde da Família (USF) de referência. No local, ela passará por avaliação do médico ou enfermeiro que, ao verificar a necessidade do exame, fará a requisição da mamografia.

Em posse do encaminhamento, as mulheres munícipes de João Pessoa podem optar entre fazer a marcação por meio da USF ou dirigir-se diretamente a um dos três serviços conveniados. No caso das moradoras de outros municípios, pactuados com a Capital, os exames devem ser agendados por meio das secretarias de saúde de onde residem.

Oferta de exames – A rede municipal conta com uma capacidade de oferta de 4,5 mil mamografias ao mês, destinadas as usuárias da rede pública. Este ano já foram realizadas 18,1 mil mamografias, considerando que há um absenteísmo de 40% em média, variando mês a mês. Já em 2017, foram realizados aproximadamente 20 mil exames deste tipo durante todo o ano.

Para auxiliar na prevenção e diagnóstico do câncer de mama, além da mamografia, a rede municipal oferece exames de ultrassonografia, biópsia, punção e, em ultimo caso, cirurgias.

Câncer de mama – É o tipo mais frequente de câncer entre as mulheres brasileiras. O câncer de mama é uma doença silenciosa, que pode apresentar um caroço na mama e pode vir acompanhado ou não de dor. Em alguns casos, pode haver alteração na pele da mama, com aparência de casca de laranja e também podem aparecer caroços na região das axilas.

O Instituto Nacional de Câncer (INCA) estima 59,7 mil novos casos de câncer de mama no Brasil em 2018. A doença pode ser evitada em 30% também com a adoção de hábitos saudáveis, como: Praticar atividade física regularmente; alimentar-se de forma saudável; manter o peso corporal adequado; evitar o consumo de bebidas alcoólicas e com a amamentação.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O