Tecnologia

Como rastrear e localizar seu smartphone

Hoje em dia há soluções nativas e aplicativos que são uma verdadeira mão na roda quando você precisa rastrear e localizar o smartphone. Claro que em determinadas situações, como em casos de roubo, a melhor escolha é o bloqueio de IMEI, mas, para casos mais simples, como apenas lembrar onde você deixou o aparelho, ou até prestar um boletim de ocorrência mais completo, informando a última localização do dispositivo, essas soluções alternativas são recomendadas!

Tanto o Android quanto o iPhone oferecem soluções nativas para este fim, e também há aplicativos de terceiros que também cumprem essa missão de rastreamento. Neste tutorial lhe mostraremos justamente isto, como rastrear e localizar o smartphone.

Lembrando que há outro tipo de rastreamento, e nele você que pode estar sendo a vítima. Clique aqui e leia a nossa conversa com um especialista em segurança e saiba se o seu celular foi hackeado.

Android – Primeiramente vamos checar se a função de encontrar seu dispositivo está habilitada no aparelho. Para isso siga  seguinte caminho: configurações > Google > segurança > encontre meu dispositivo. Ative, caso ainda não esteja. Bom, agora podemos rastrear o aparelho:

No caso do principal sistema operacional para dispositivos móveis, o Android, o rasteamento nativo pode ser acessado através deste link google.com/android/devicemanager. Esse serviço oferecido pelo sistema é o Gerenciador de Dispositivos e está disponível a partir do Android 2.3. Por este link a plataforma, com base em dados de geolocalização, informará a posição aproximada em que seu aparelho está.

Evidente que se o seu objetivo é apenas se lembrar em que cômodo da casa esqueceu o aparelho, a localização do mapa não terá nenhuma utilidade. Mas o Gerenciador de Dispositivos também conta com uma opção adequada a este caso. É possível fazer com que o aparelho comece a reproduzir um som durante cinco minutos. Este toque será reproduzido mesmo se o aparelho estiver no modo silencioso.

Também é possível mandar uma mensagem para o aparelho caso você tenha o perdido na rua, e quer tentar a sorte de ter sido encontrado por alguém que esteja disposto a devolvê-lo. Por último também há a opção de limpar todo o conteúdo do dispositivo, isto é, todos os seus dados.

Uma versão simplificada dessa localização aparece quando você digita no campo de busca do Google “find my phone Android”. Lembre-se de manter ativado no seu smartphone a função local, a localização, que usará os dados de GPS para maior precisão. Caso você tenha múltiplos dispositivos Android vinculados à sua conta, você pode instalar em um deles o aplicativo oficial desse recurso de rastreamento do Google para realizar o procedimento de busca pelo dispositivo que você perdeu.

A configuração é basicamente a mesma da versão web. Só que você irá logar na sua conta através do aplicativo e selecionar qual o aparelho que o Google deve procurar.

Em relação aos aplicativos de terceiros, uma opção para rastreamento é o Lost Android. Você instala o app em seu aparelho, concedendo-lhe as permissões necessárias, acessa o link www.androidlost.com/, logar em sua conta do Google, e pronto. Você já terá acesso às funções. Checar a localização, enviar mensagem SMS, bloquear o aparelho, apagar o conteúdo, verificar algumas informações (IMEI, porcentagem da bateria etc), entre outras coisas.

 iOS – No sistema operacional proprietário da Apple, utilizado no iPhone, também há uma ferramenta nativa de localização do aparelho. Inclusive, justiça seja feita, a Apple implementou primeiro que o Google. O serviço de rastreamento para o iPhone está presente desde 2009, com o lançamento do sistema iPhone 3.0 e o aparelho iPhone 3G S.

Assim como no caso do Android, antes de acessar o link para realizar a busca você precisa checar se o recurso está ativado em seu iPhone. Para checar siga o seguinte caminho: ajustes > clique no seu nome > iCloud > Buscar iPhone > ative as opções Buscar iPhone e Enviar Última Localização. Pronto, já está ativo. Lembrando que, além do iPhone, também é possível usufruir dessa função de rastreio no iPad.

Para iniciar o rastreio clique no seguinte link www.icloud.com/#find. Faça login com seus dados ID Apple (login e senha). Automaticamente a localização do aparelho será exibida. Além da localização pelo mapa você também tem três opções extra: tocar som, modo perdido (deve ser ativado caso aparelho tenha sido roubado ou perdido na rua, já que é ativado o bloqueio automático do aparelho, e você também mandar uma mensagem para que a pessoa que encontrou entre em contato), e apagar iPhone, utilizado para apagar os dados do aparelho.

Outra vantagem interessante no ecossistema da Apple, é o Compartilhamento Familiar, com ele qualquer familiar poderá ajudar a localizar um iPhone ou iPad perdido. “Basta pedir para um familiar iniciar uma sessão no iCloud com o ID Apple dele e qualquer dispositivo associado à conta do Compartilhamento Familiar poderá ser localizado”, explica a Apple em seu site.

Assim como no Android, também há aplicativos e serviços de terceiros que podem ser localizados para localizar o iPhone ou iPad. Os recomendados são: GadgetTrak, Device Locator e o Phone Tracker.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O