Tecnologia

Cartaxo garante apoio a evento que fará de JP a Capital Mundial da Internet

Reunião“João Pessoa será a Capital Mundial da Internet”. Está foi a previsão do secretário executivo do Comitê Gestor da Internet no Brasil, Harmut Glaser, durante encontro com o prefeito Luciano Cartaxo na manhã desta segunda-feira (10). A afirmação se refere à realização do X Fórum de Governança da Internet, que acontecerá na Capital paraibana de 10 a 13 de novembro, organizado pela ONU. Durante a reunião, foram discutidas parcerias entre os realizadores e a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), que apoia o evento.
“João Pessoa será a referência mundial no mês de novembro quando o assunto for internet. Vamos receber chefes de Estado, executivos das principais empresas do setor em todo o mundo e mais de dois mil participantes de 140 países”, destacou o prefeito. “Nossa gestão está mobilizada para assegurar o sucesso do Fórum”, afirmou.
De acordo Harmut Glaser, o município tem correspondido às expectativas. “A ONU queria sair do eixo Rio – São Paulo e acabou avaliando Brasília, Salvador e João Pessoa, que foi escolhida por impressionar muito os organizadores. Conversamos com a Prefeitura porque existe uma série de logística que depende do município, como mobilidade, limpeza, envolvimento da cidade e temos obtido uma resposta muito positiva”, declarou.
O evento é realizado anualmente em cidades diferentes por todo o mundo. Em 2014, por exemplo, a sede foi a cidade de Istambul, na Turquia. João Pessoa será a segunda cidade brasileira a receber o evento, que já foi realizado no Rio de Janeiro.
O evento – O Fórum Mundial é um evento multissetorial, democrático e transparente, e viabiliza debates sobre questões de políticas públicas relativas a elementos da governança da internet. O evento fornece uma plataforma facilitadora para discussões entre todos os setores do ecossistema de governança na rede, incluindo as entidades credenciadas pela Cúpula Mundial sobre a Sociedade da Informação (CMSI).
De acordo com o secretário executivo, o Brasil espera utilizar o evento para replicar o seu modelo de gestão da internet. “Em muitos países a internet é gerida pelos governos, o que muitas vezes resulta em decisões unilaterais e que vêm de cima para baixo. No Brasil fazemos isso por meio do Comitê Gestor, que conta com representantes do Governo, acadêmicos, empresários e representantes da sociedade civil. É um modelo multiparticipativo e queremos multiplicá-lo pelo mundo”, afirmou.
O tema do evento será “A Evolução da Governança da Internet: Empoderando o Desenvolvimento Sustentável” e a realização é de responsabilidade do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.Br), com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU), da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) e do Governo da Paraíba.
Participaram da reunião os secretários municipais da Transparência Pública, Éder Dantas; da Ciência e Tecnologia, Bival Ferreira; o chefe de Gabinete, Ellan Farias; e o controlador-geral do Município, Sérgio Ricardo.
Redação com Parlamento PB
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais popular

T O P O